SBICafé
Biblioteca do Café

Avaliação do estado nutricional do cafeeiro (Coffea canephora L.) na região da Transamazônica

Show simple item record

dc.contributor.author Veloso, Carlos Alberto Costa pt_BR
dc.contributor.author Souza, Francisco Ronaldo Sarmanho de pt_BR
dc.contributor.author Corrêa, João R. V. pt_BR
dc.contributor.author Ribeiro, Sydney Itauran pt_BR
dc.contributor.author Oliveira, Moisés C. M. de pt_BR
dc.contributor.author Carvalho, Eduardo J. M. pt_BR
dc.contributor.other Consórcio Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento do Café pt_BR
dc.date 2003-10-14 08:14:15.077 pt_BR
dc.date.accessioned 2015-01-14T13:44:24Z
dc.date.available 2015-01-14T13:44:24Z
dc.date.issued 2003 pt_BR
dc.identifier.citation Veloso, Carlos A.C.; Souza, Francisco R.S. de; Corrêa, João R.V.; Ribeiro, Sydney I.; Oliveira Júnior, Moisés C.M. de; Carvalho, Eduardo J.M. Avaliação do estado nutricional do cafeeiro (Coffea canephora L.) na região da Transamazônica. In: Simpósio de Pesquisa dos Cafés do Brasil e Workshop Internacional de Café & Saúde, (3. : 2003 : Porto Seguro). Anais. Brasília, DF : Embrapa Café, 2003. (447p.), p. 397-398. pt_BR
dc.identifier.other 166689_Art456 pt_BR
dc.identifier.uri http://www.sbicafe.ufv.br/handle/123456789/1578
dc.description Trabalho apresentado no Simpósio de Pesquisa dos Cafés do Brasil (3. : 2003 : Porto Seguro, BA). Resumos. Brasília, D.F. : Embrapa Café, 2003. pt_BR
dc.description.abstract Sabe-se que uma adubação adequada confere às plantas maior produtividade, melhor qualidade dos frutos, maior tolerância e resistência às pragas e doenças. Entretanto, para se fazer uma adubação adequada faz-se necessária uma avaliação do estado nutricional das lavouras. A avaliação do estado nutricional das plantas cultivadas tem sido um constante desafio para pesquisadores da área de fertilidade do solo e nutrição de plantas em diversas localidades. Este fato tem sido mais evidente nas regiões onde a obtenção de elevadas produtividades esbarra em limitações decorrentes de desequilíbrios nutricionais das culturas, em função dos baixos níveis de fertilidade dos solos. Objetivando estabelecer as normas de referência para o uso do DRIS e avaliar o estado nutricional do cafeeiro Conilon, determinar faixas de suficiência e índices DRIS para o cafeeiro Conilon em lavouras na microregião de Altamira, representativas dos municípios de Altamira, Medicilândia, Pacajá, Uruará e Brasil Novo, que representam quase toda área plantada com cafeeiros no Estado, com produção média de 20 sc. beneficiadas/ha. Em cada lavoura foram escolhidos talhões que apresentavam o máximo de uniformidade possível. Para garantir a representatividade da amostragem nos talhões pré-selecio-nados, foram definidas 20 plantas para coleta de folhas e posteriormente, de dados de produção. O método de amostragem consistiu em coletar quatro pares de folhas do 3º nó, contando a partir do ápice, na parte mediana do pé de café, nos quatro pontos cardeais, dando um total de 100 folhas, separando-se posteriormen-te as 50 folhas mais uniformes para compor a amostra. A amostragem foi efetuada no início de 2001, na fase inicial de desenvolvimento dos frutos ou seja na fase de chumbinho, a partir de um banco de dados formado por 52 observações de produção e análise química de N, P, K, Ca, Mg, S, B, Cu, Mn, Fe e Zn coletadas em folhas de ramos frutíferos. As normas foram desenvolvidas a partir de uma população de referência com produção acima de 30 sacas beneficiadas/ha/ano. Os resultados obtidos após aplicação do DRIS mostraram-se bastante coerentes, com facilidade de interpretação significativa em relação a outros métodos, diagnostican-do os nutrientes em sua ordem de importância relativa na nutrição do cafeeiro. Constatou-se, através do DRIS, a existência de desequilíbrios nutricionais, na maioria das lavouras de baixa produtividade (< 30 sacas beneficiadas/ha/ano). Pelo estudo da seqüência de deficiência e excesso nutricional, verificou-se que, os teo-res foliares de P, K e Ca foram os nutrientes mais limitantes nas lavouras de baixa produtividade, enquanto nas lavouras de alta produtividade os nutrientes mais limitantes foram o P, B e Zn. Na grande maioria das lavouras, os teores de N, Mg e S, encontram-se em níveis considerados adequados nas folhas das plantas. Os teores de K situaram-se, na maioria, em níveis adequados, entretanto, 25% das lavouras apresentaram teores deficien-tes e, 33,3% apresentaram teores deficientes em N. Com relação aos micronutrientes, na maioria das lavou-ras levantadas (75%) verificaram-se teores deficientes de Zn e Mn, fato este que ocorre com muita freqüên-cia nas lavouras de café Conilon do país. Pelos resultados obtidos, conclui-se que o DRIS foi adequado no diagnóstico do estado nutricional das lavouras cafeeiras na região da Transamazônica. pt_BR
dc.description.sponsorship Consórcio Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento do Café pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.subject Café Conilon Nutrição mineral Nutrientes Diagnose nutricional Coffea canephora Transamazônica pt_BR
dc.subject.classification Cafeicultura::Solos e nutrição do cafeeiro pt_BR
dc.title Avaliação do estado nutricional do cafeeiro (Coffea canephora L.) na região da Transamazônica pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre o SBICafé

Browse

My Account