SBICafé
Biblioteca do Café

Avaliação da produtividade e ciclo de maturação em progênies F3 de café arábica no estado de Rondônia

Show simple item record

dc.contributor.author Teixeira, Alexsandro Lara
dc.contributor.author Santana, Ézio Pereira de
dc.contributor.author Oliveira, Victor Emanuel Gonçalves de
dc.contributor.author França, Flávio de Souza
dc.contributor.author Bordignon, Rita
dc.contributor.author Medina Filho, Herculano Penna
dc.contributor.author Castro, Gisele Renata de
dc.contributor.author Silva, Edielsom Almeida da
dc.contributor.author Silva, Camila Andrade
dc.contributor.author Torres, Josemar Dávila
dc.date.accessioned 2015-09-11T14:03:22Z
dc.date.available 2015-09-11T14:03:22Z
dc.date.issued 2015
dc.identifier.citation TEIXEIRA, A. L. et al. Avaliação da produtividade e ciclo de maturação em progênies F3 de café arábica no estado de Rondônia. In: SIMPÓSIO DE PESQUISA DOS CAFÉS DO BRASIL, 9., 2015, Curitiba. Anais... Brasília, DF: Embrapa Café, 2015, 5 p. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.sbicafe.ufv.br:80/handle/123456789/4206
dc.description Trabalho apresentado no IX Simpósio de Pesquisa dos Cafés do Brasil pt_BR
dc.description.abstract O objetivo deste trabalho foi avaliar a produtividade de grãos, ciclo de maturação e porcentagem de frutos chochos em progênies especiais de café arábica (Coffea arabica L.) cultivadas sob altas temperaturas em região de baixa altitude, no estado de Rondônia. Foram avaliadas 104 progênies F3 selecionadas dentro do avanço de geração F2 desenvolvido pelo Instituto Agronômico de Campinas – IAC e instalado em Ouro Preto do Oeste-RO. Utilizou-se o delineamento em blocos aumentados com quatro repetições. Foram utilizados como testemunhas a cultivar Catuaí e outros três genótipos (T09P06, T31P12 e T33P16). O espaçamento utilizado foi de 3,0 x 1,0 metros e oito plantas por parcela. A análise conjunta de todas as safras mostra diferença significativa entre tratamentos para a característica produtividade de café beneficiado (Tabela 1). O mesmo foi observado entre progênies, evidenciando a grande variabilidade genética entre os genótipos avaliados. Já entre as testemunhas não houve diferença significativa. O contraste progênies vs testemunhas também foi significativo para produtividade de café beneficiado, indicando que estes tiveram comportamentos diferentes para essa característica. A menor produtividade média foi observada na safra 2010/11 (5,33 sacas ha-1). As safras posteriores apresentam boas produtividades, com médias acima de 28 sacas ha-1. Destaque para a safra 2012/2013 com produtividade de 34,01 sacas ha-1. A média de quatro colheitas foi de 25,71 sacas ha-1, sendo que a média das progênies foi de 25,89 sacas ha-1, 22% acima da média das testemunhas. A progênie F2 OBATÃ X (CATUAÍ X EUG DP X MN) C.1583 - P1 obteve o melhor desempenho produtivo com média de 47,37 sacas ha-1. A porcentagem geral de frutos chochos foi 10,78%. Em relação ao ciclo de maturação observou-se que todas as colheitas foram realizadas entre os meses de fevereiro e abril. Quanto à diferença entre progênies, 31 foram classificadas como de ciclo tardio (abril), 63 de ciclo intermediário (março) e dez de ciclo precoce (fevereiro). pt_BR
dc.format 5 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Embrapa Café pt_BR
dc.subject Tolerância ao calor pt_BR
dc.subject Coffea arabica L. pt_BR
dc.subject Melhoramento genético e temperaturas elevadas pt_BR
dc.subject.classification Cafeicultura::Genética e melhoramento pt_BR
dc.title Avaliação da produtividade e ciclo de maturação em progênies F3 de café arábica no estado de Rondônia pt_BR
dc.title.alternative Evaluation of yield and maturity cicle in arabica coffee progenies F3 in Rondonia state pt_BR
dc.type Trabalho de Evento Cientifico pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
150_IX-SPCB-2015.pdf 150.1Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre o SBICafé

Browse

My Account