SBICafé
Biblioteca do Café

Estratégias de manejo de Meloidogyne incognita raça 1 em cafeeiro conilon

Show simple item record

dc.contributor.advisor Alves, Fábio Ramos
dc.contributor.author Zinger, Fernando Domingo
dc.date.accessioned 2017-11-14T16:17:49Z
dc.date.available 2017-11-14T16:17:49Z
dc.date.issued 2015-02-09
dc.identifier.citation ZINGER, F. D. Estratégias de manejo de Meloidogyne incognita raça 1 em cafeeiro conilon. 2015. 66 f. Tese (Doutorado em Produção Vegetal) - Universidade Federal do Espírito Santo, Alegre. 2015. pt_BR
dc.identifier.uri http://hdl.handle.net/123456789/9136
dc.description Tese de Doutorado defendida na Universidade Federal do Espírito Santo. pt_BR
dc.description.abstract A exploração comercial da cultura do café é uma das atividades mais importantes do setor agropecuário mundial, brasileiro e do Espírito Santo, segundo Estado brasileiro em produção de café e o primeiro em produção de café conilon. Um dos principais problemas fitossanitários da cultura do cafeeiro é a presença do nematoide Meloidogyne incognita, que pode reduzir drasticamente a produção acarretando perdas aos cafeicultores. Várias medidas têm sido testadas para o manejo desse patógeno, inclusive o controle químico, porém, com baixa eficiência. Dentre os microrganismos empregados no controle biológico de Meloidogyne spp., os fungos são os mais estudados e, juntamente com as bactérias, são os que apresentam maior potencial de uso na agricultura. O objetivo deste trabalho foi manejar o nematoide em questão, com uso dos fungos P. chlamydosporia e T. harzianum, aplicados isolados e em associação, comparando-os a um nematicida químico, em plantas cultivadas em uma área. O experimento foi conduzido em uma área naturalmente infestada pelo nematoide e cultivada com a variedade de café conilon “Vitória INCAPER 8142”, clone 2, com 24 meses de idade. O delineamento foi em blocos casualizados em esquema de parcela subdividida. Foram testados os seguintes tratamentos: nematicida Carbofurano 50 g/Kg com dose de 30,00 g por planta (89,34 kg/ha); nematicida biológico com Pochonia chlamydosporia Pc-10, com dosagem de 2,0 Kg/ha; nematicida biológico contendo Trichoderma harzianum ESALQ 1306, com dosagem recomendada de 1,0 L/ha, sendo os produtos biológicos aplicados isolados ou associados. Cada produto foi aplicado 1, 2 ou 3 vezes em intervalos de 60 dias (15/09/2013, 15/11/2013 e 15/01/2014) e as avaliações realizadas em três épocas após cada aplicação (15/11/2013, 15/01/2014 e 15/03/2014). As características avaliadas foram: população de nematoides nas raízes e no solo; número de grãos por roseta; peso total de grãos por roseta; peso de 100 grãos beneficiados; rendimento (maduro/beneficiado); produtividade em sacas/ha; valor de produção; ganho de produção e custo de cada método de manejo. P. chlamydosporia e T. harzianum, diminuíram a população de M. incognita. As maiores populações de M. incognita raça 1 foram encontradas em plantas que não receberam nenhum tratamento. As menores populações do patógeno ocorreram em plantas tratadas com o fungo P. chlamydosporia e o nematicida. P. chlamydosporia foi o agente biológico mais eficaz no manejo de M. incognita. Houve redução de produtividade com aumento da população do nematoide. Os métodos de manejo proporcionaram redução da população nas raízes e no solo de M. incognita raça 1, acarretando aumento da produtividade de café conilon por hectare. pt_BR
dc.description.abstract Commercial exploitation of the crop is one of the most important activities of the global agricultural sector, Brazil and Espírito Santo, according to the Brazilian State in coffee production and the first in conilon coffee production. One of the main phytosanitary problems of coffee culture is the presence of the nematode Meloidogyne incognita, which can dramatically reduce the production causing losses to farmers. Several measures have been tested for the management of this pathogen, including chemical control, but with low efficiency. Among the microorganisms used for the biological control of Meloidogyne spp., Fungi are the most studied and, together with bacteria, are those with the greatest potential for use in agriculture. The objective was to manage the nematode concerned with the use of fungi P. and T. harzianum chlamydosporia, applied alone and in combination, comparing them to a chemical nematicide plants grown in an area. The experiment was conducted in a field naturally infested by the nematode and cultivated with the variety of coffee conilon "Victory INCAPER 8142", clone 2, with 24 months of age. The design was a randomized block in a split plot design. The following treatments were tested: nematicide Carbofuran 50 g / kg dose with 30.00 g per plant (89.34 kg / ha); biological nematicide with chlamydosporia Pochonia Pc-10, with dosage of 2.0 kg / ha; biological nematicide containing Trichoderma harzianum ESALQ 1306, with recommended dosage of 1.0 L / ha, and biological products used individually or combined. Each product was applied 1, 2 or 3 times at intervals of 60 days (09.15.2013, 15.11.2013 and 01.15.2014) and evaluations carried out in three seasons after each application (15.11.2013 , 01/15/2014 and 15/03/2014). The characteristics were: population of nematodes in the roots and the soil; number of grains per rosette; total weight of grains per rosette; weight of 100 processed grains; income (mature / benefit); productivity in bags / ha; value of production; increased production and management costs of each method. P. and T. harzianum chlamydosporia, decreased the population of M. incognita. The largest populations of M. incognita race 1 were found in plants that received no treatment. Minor populations of the pathogen occurred in plants treated with the fungus P. chlamydosporia and nematicide. P. chlamydosporia was the most effective biological agent in the management of M. incognita. There was productivity with increased nematode population. Management methods further reduction of the population in the roots and soil M. incognita race 1, resulting in increased conilon of coffee per hectare productivity. pt_BR
dc.format 66 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Federal do Espírito Santo pt_BR
dc.subject Café – Cultivo pt_BR
dc.subject Nematoda pt_BR
dc.subject Controle biológico pt_BR
dc.subject Custos de produção pt_BR
dc.subject Manejo pt_BR
dc.subject Produtividade agrícola pt_BR
dc.subject.classification Cafeicultura::Pragas, doenças e plantas daninhas pt_BR
dc.title Estratégias de manejo de Meloidogyne incognita raça 1 em cafeeiro conilon pt_BR
dc.title.alternative Meloidogyne management strategies incognita race 1 in coffee conilon pt_BR
dc.type Tese pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Tese_Fernando Domingo Zinger.pdf 1.370Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

  • UFES - Teses [24]
    Universidade Federal do Espírito Santo - Teses

Show simple item record

Search DSpace


Sobre o SBICafé

Browse

My Account